Kaleydos

Casas autossuficientes são impressas em 8 horas

Um objetivo da arquitetura sustentável é inovar nos métodos de construção para reduzir o impacto ambiental produzido por novos empreendimentos, ou até mesmo gerar impacto positivo. Um exemplo disso é o PassivDom, proposta do engenheiro ucraniano Max Gerbut.

Seu projeto usa uma impressora 3D para produzir a maior parte das peças de pequenas residências que, além disso, são equipadas com painéis solares que as tornam energicamente autossuficientes. A casa ainda tem uma bateria que armazena energia extra, o suficiente para abastecê-la por duas semanas sem sol. E as janelas possuem isolamento térmico, reduzindo a necessidade de ar condicionado ou aquecedores.

As casas podem ser instaladas em qualquer superfície e custam US$ 64 mil (cerca de R$ 205 mil).

Com informações do Hypeness.

Redação Kaleydos

Use nosso conteúdo:
Todo o conteúdo deste site está publicado sob Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, exceto quando especificado em contrário ou nos conteúdos replicados de terceiros.
Caso use nosso conteúdo, avise-nos para receber nossa gratidão! Entre em contato.

Faça um comentário

Assine nossa newsletter

Preencha os campos abaixo para receber nossa newsletter mensal.
E-mail  *
Nome 
Sobrenome 
Organização 
Cargo 
*Campo obrigatório

Siga-nos

Acompanhe o Kaleydos nas mídias sociais e fique sempre por dentro das nossas novidades.