Kaleydos

Como eu consegui investimento?

Da Anjos do Brasil

Você teve uma ideia, fez seu MVP, validou a proposta, conquistou mercado e está pronto para fazer pitch para investidores anjo? Você tem que ler este post!

A boa e velha prática de fazer pitch para investidores anjo é a maneira essencial para conhecer anjos e alcançar o tão esperado investimento. Mas depois do Pitch, como eu consigo o investimento? Como tenho o contrato assinado e o dinheiro na conta? 

Na Conferência da Anjos do Brasil deste ano, com a mediação do Ricardo Martinho, responsável na Anjos do Brasil pela metodologia de facilitação do processo de captação de investimento anjo, faremos um painel com empreendedores que contarão quais foram suas estratégias adotadas para conseguir investimento anjo.

Existem muitos caminhos para uma startup conseguir investimento anjo. Neste post, abordaremos um pouco sobre quatro maneiras: captação por uma rede de investidores anjo, captação por coinvestimento de redes, por meio de um projeto de facilitação de investimento e coinvestimento por meio da FINEP.

Captação de investimento por uma rede de investidores anjo

A Anjos do Brasil é uma rede de investidores-anjo. Diferente do que muitos pensam, a maioria dos investidores-anjo não investe em ideias. Geralmente, investimento em ideias é feito pelo que é chamado de Friends and Family. Pessoas físicas de um círculo próximo que investe em ideias, porque conhece o empreendedor. Investidores-anjo buscam empreendimentos que já passaram pela fase de ideia. Buscam startups que já tiveram seus modelos de negócio validado de alguma forma e, em maioria, já esteja gerando receita. Este é o momento em que a startup está apta para buscar investimento anjo. Mais detalhes sobre como buscar um investidor-anjo na nossa rede acesse o link.

Este foi o caso da Startup Construcode, que na rede da Anjos do Brasil captou recursos para desenvolver sua solução que consiste em agilizar a construção civil, trazer mais eficiência para os canteiros de obras e democratizar as informações na construção civil.

Captação de investimento por meio de coinvestimento de redes de investidores anjo

Assim como a Anjos do Brasil, no Brasil há outras redes de investimento anjo como a Harvard AngelsInsper Angels,Gávea AngelsGV Angels entre outros. Captar em mais de uma rede é benéfico porque você realiza a ampliação da rede de relacionamento, aumenta a probabilidade de encontrar bons investidores, dá mais segurança para seus investidores (uma vez que percebem que há mais anjos investindo e o negócio é mais seguro), amplia seu o networking, dilui o risco relacionado ao desenvolvimento da solução, além de colaborar com o ecossistema em diversos níveis.

Foi o caso da Incentiv.me, que levantou mais de um milhão de reais agregando investidores da rede da Anjos do Brasil, da Harvard Angels e da Insper Angels. A Incentiv.me mapeia leis que podem gerar receitas advindas de incentivos ou renúncias fiscais empresariais para organizações sociais. Apresenta às empresas os projetos das organizações sociais que passaram pela sua curadoria de modo que o recurso chegue de maneira mais rápida e
transparente no projeto na organização social.

Captação de investimento por meio de um projeto de facilitação de investimento

A Anjos do Brasil tem uma metodologia própria para diminuir o tempo entre a apresentação da startup à rede e a realização efetiva do investimento. A metodologia garante que em 14 semanas, é possível recebê-lo. Isso é em média metade do tempo padrão de um processo de investimento anjo. Foi o caso da Manipulaê, uma plataforma online criada por Thiago Colósio que facilita a conexão entre pacientes e farmácias de manipulação, onde é possível enviar uma receita para cotação com até três farmácias e comparar todas as ofertas em uma mesma tela. A Manipulaê recebeu um investimento da Anjos do Brasil no valor de R$525mil.

Captação de coinvestimento junto à FINEP

O processo de captação de investidores anjo é um “bônus” para quem está pré selecionado para receber investimento a fundo pedido pelo programa da FINEP. Isso é uma dupla garantia, tanto para a FINEP, como para o investidor, que também é remunerado pela FINEP, em caso de saída futura da startup.

Foi o caso da Kokku, líder brasileira no bilionário mercado internacional de games, que conseguiu investimento e desenvolveu tecnologia proprietária que automatizou processos
manuais de criação.

Se você quiser conhecer mais sobre casos de empreendedores que conseguiram captar recursos por meio do trabalho da Anjos do Brasil, você não pode perder esta mesa que será mediada pelo Ricardo Martinho durante a nossa conferência, que acontecerá no dia 10 de Dezembro.


Sobre a Kaleydos

Kaleydos é uma plataforma de investimento e desenvolvimento de soluções e negócios alinhados aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Apoiamos negócios inovadores em estágio inicial de maneira personalizada mesclando mentoria, capital semente e co-gestão. Somos uma iniciativa do Instituto Jatobás. Clique aqui para saber mais sobre nós.

Assine a nossa newsletter mensal.

Faça um comentário