Kaleydos
Bemtevi Negócios Sociais

Conheça a Bemtevi, fundo de investimento em negócios sociais

Conheça o fundo de investimentos que troca juros por impacto social

Kaleydos entrevistou Fernando Simões Filho, um dos três sócio-fundadores (ao lado de Eduardo Pedote e Ricardo Mastroti) da Bemtevi, um fundo de investimento em negócios sociais. Fernando nos explicou a história e o modo de operação do fundo, falou sobre as empresas apoiadas pela Bemtevi e o que espera do futuro do setor 2.5 no Brasil.

Você pode ouvir a entrevista abaixo. Após o vídeo, resumimos os principais assuntos discutidos.

Conheça a Bemtevi

Fernando define a Bemtevi como “uma impulsionadora de negócios justos e saudáveis onde a gente conecta pessoas e recursos que querem apoiar, fortalecer uma transformação social”. Na prática, isso significa que ela atua como um fundo de investimentos, que atrai o capital de investidores para fazer empréstimos a negócios sociais.

Negócio social é um negócio cujo objetivo é solucionar um problema social ou ambiental. É diferente de uma ONG por ter sustentabilidade financeira e ser lucrativo, não dependente de doações. Porém, todo o seu lucro é reinvestido no próprio negócio, para ampliar o seu impacto socioambiental positivo. Clique aqui para saber mais.
Até o momento, o fundo já realizou empréstimos a quatro negócios.

O processo é cuidadoso. Após uma primeira aproximação com a empresa, é feita uma avaliação do seu modelo de negócio. Essa avaliação é devolvida ao empreendedor, com sugestões de aprimoramentos. Se o empreendedor achar que a avaliação do fundo faz sentido, começa então a Jornada de Amadurecimento, em que irá amadurecer o seu plano de negócio e criar uma teoria de mudança.

O negócio então é apresentado a um comitê de empréstimo e a um conselho consultivo. Se aprovado, recebe um empréstimo com metas de impacto socioambiental. Conforme as metas são cumpridas, o juros cobrado é reduzido, podendo chegar a zero. Ou seja, a Bemtevi troca juros por impacto, fornecendo um estímulo a mais para que o impacto socioambiental positivo seja o foco principal do empreendedor.

Após o empréstimo, a empresa recebe um acompanhamento constante. São realizadas reuniões mensais com a equipe do fundo e investidores, em que avaliam a gestão do negócio e o cumprimento das metas de impacto. Se necessário, uma rede de parceiros pode ser acionada para ajudar o empreendedor em questões específicas.

Além dos empréstimos, o fundo também presta consultoria a dois públicos: 1) empresas que tenham o objetivo de transformar as suas ações sociais em negócios sociais, que tenham sustentabilidade financeira; 2) Empreendedores sociais que precisem de ajuda para estruturar o seu plano de negócio.

A evolução da Bemtevi

O fundo surgiu no final de 2015, quando os sócios começaram a conversar com empreendedores e potenciais investidores. No final de 2016, fizeram seu primeiro empréstimo, para a PanoSocial. Desde então, concederam empréstimos para mais outras três empresas: ASID, Flavia Aranha e Acreditar. Agora estão em fase final para aprovar o seu quinto empréstimo, para a Cozinha Criativa, da Agência Solano Trindade. A intenção do fundo é terminar o ano de 2018 com 10 empréstimo feitos.

Negócios apoiados

Conheça as startups apoiadas pela Bemtevi.

PanoSocial – Produz moda com matérias-primas sustentáveis, empregando como mão de obra principalmente egressos do sistema prisional. Promovem a ressocialização destes funcionários, para que não voltem a incorrer em crimes. Entre as atividades de ressocialização incluem-se o atendimento psicológico e a meditação.

AsidSurgiu em 2008 com o propósito de unir empresas, voluntários, instituições e pessoas com deficiência para construir uma sociedade inclusiva. Sua forma de atuação inclui desenvolvimento de gestão de instituições filantrópicas que trabalham com PcD, voluntariado corporativo, articulação para inclusão e formação de redes.

Flavia Aranha Marca de roupa que adota técnicas sustentáveis de tingimento natural. O empréstimo feito permitiu que a empresa pudesse equipar o seu “núcleo de coloração vegetal”, para fazer o tingimento em larga escala sem depender de fornecedores terceirizados. Além do impacto ambiental, também produzem impacto social ao valorizar uma cadeia de fornecedores de baixa renda, principalmente no norte de Minas Gerais e Bahia. A marca capacita estes fornecedores, ensinando-os, por exemplo, a precificar os seus produtos e a desenvolver outros clientes, para que não fiquem dependente somente da Flavia Aranha.

AcreditarAtua com concessão de microcrédito produtivo e educação financeira para famílias que não estão no sistema financeiro.

O futuro do setor 2.5

O chamado setor 2.5, que inclui os negócios sociais e negócios de impacto, tem se fortalecido no Brasil, mas ainda necessita se tornar mais consolidado. Fernando diz que seu sonho é que no futuro próximo ele se torne um setor econômico tão importante quantos outros mais tradicionais. E que isso ajude a criar uma sociedade em que as pessoas são o fim e o dinheiro é meio, não o contrário.

Segundo ele, no Brasil há um volume substancial de investimentos em renda fixa e se apenas 1% deste capital fosse aplicado em negócios sociais, isso criaria um terreno muito fértil para o setor. Ao mesmo tempo, se isso acontecesse imediatamente, não haveria aonde alocar este dinheiro. Portanto, há ainda um trabalho muito importante para divulgar e disseminar o conceito de negócios sociais, para que haja maior empreendimentos aptos a receber investimentos.

A Bemtevi no mundo digital

Site | Facebook


Sobre a Kaleydos

Kaleydos é uma plataforma de investimento e desenvolvimento de soluções e negócios alinhados aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Apoiamos negócios inovadores em estágio inicial de maneira personalizada mesclando mentoria, capital semente e co-gestão. Somos uma iniciativa do Instituto Jatobás. Clique aqui para saber mais sobre nós.

Assine a nossa newsletter mensal.

1 comentário