Kaleydos

“É difícil investir em startups com apenas um fundador”, diz Marco Poli

Marco Poli, um dos maiores investidores-anjo do Brasil, esteve presente no InvestClass, organizado pela StartSe, e deu uma palestra no formato de perguntas e respostas. Nela, respondeu à pergunta “você investiria em uma startup com apenas um fundador”? Veja trechos de matéria da StartSe com a resposta dele.

“É difícil. Uma das coisas principais que o investidor olha em uma startup é se o time tem as competências completas para dar certo”, respondeu.

Um time completo deve ser o suficiente para produzir e vender o produto da startup. Um exemplo que Poli deu é que, para ele, não se terceiriza programação – “se não tiver dentro de casa, esquece. Eu nunca ouvi falar de uma empresa que terceirizou programador e saiu completamente bem nessa história”.

(…)

Existem investidores que até investem em startups não devido seus modelos de negócios, mas por causa dos empreendedores que as lideram – esse é o nível de importância da equipe de uma startup. Portanto, ter uma equipe heterogênea, autossuficiente, é ter um pensamento mais positivo de que a startup irá crescer – pois ela já possui quase tudo o que precisa para ser escalável. O que falta é o que está por vir – o investimento.

Leia a matéria completa no StartSe.

Redação Kaleydos

Assine nossa newsletter

Preencha os campos abaixo para receber nossa newsletter mensal.
E-mail *
Nome
Sobrenome
Organização
Cargo
*Campo obrigatório

Faça um comentário