Kaleydos

Edgard Barki: “Receio que tudo isso se torne um social washing”

Professor da FGV-SP e doutor em Administração de Empresas revela suas esperanças e receios em relação aos negócios de impacto no Brasil

“É um campo que ainda tem muito de falar e pouco de agir. Ainda temos muita espuma.” O alerta para o ecossistema de negócios de impacto no Brasil não vem de qualquer um. Edgard Barki é professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP) e doutor em Administração de Empresas pela mesma instituição. Ele é um dos braços acadêmicos fortes que têm puxado a discussão sobre negócios de impacto e outras ramificações do chamado capitalismo consciente ou capitalismo com propósito.

Em entrevista à Aupa, Edgard comenta sobre o que pode significar para os sistemas econômicos essas tendências que buscam mitigar os efeitos colaterais do capitalismo — a desigualdade de renda sendo o mais crítico deles. Por outro lado, com ponderação ímpar, também aponta para alguns perigos, ou “espumas”, que todo o falatório sobre negócios de impacto pode gerar. “O meu receio particular é que a gente transforme tudo isso em um grande social washing”, compartilha Edgard.

Continue lendo na AUPA


Sobre a Kaleydos

Kaleydos é uma plataforma de investimento e desenvolvimento de soluções e negócios alinhados aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Apoiamos negócios inovadores em estágio inicial de maneira personalizada mesclando mentoria, capital semente e co-gestão. Somos uma iniciativa do Instituto Jatobás. Clique aqui para saber mais sobre nós.

Assine a nossa newsletter mensal.

Faça um comentário