Kaleydos

Summit Climate Ventures consolida iniciativas rumo à adoção de uma economia regenerativa e de baixo carbono

O 1o Summit Climate Ventures teve pitches dos negócios finalistas da 1a Chamada de Bons Negócios pelo Clima, apresentação dos protótipos de ação coletiva do Lab de Inovação e uma feira de bons negócios para as pessoas e para o planeta

Empreendedores, pesquisadores, investidores, startups e representantes de projetos e movimentos sociais que buscam novos caminhos e formas de fazer negócios de impacto para impulsionar uma economia regenerativa e de baixo carbono no Brasil participaram do 1º Summit Climate Ventures, que aconteceu no dia 22 de novembro, na Escola Britânica de Artes Criativa (EBAC), em São Paulo. O encontro celebrou os resultados do 1° Ciclo da Climate Ventures, que consistiu no desenvolvimento do primeiro Lab de Inovação e da primeira Chamada de Bons Negócios Pelo Clima no Brasil.

Com base na articulação de lideranças das esferas de clima, tecnologia e negócios, o Instituto Climate Ventures Brasil desenvolveu em 2018 a plataforma Climate Ventures, que tem como propósito acelerar uma economia regenerativa e de baixo carbono, além de criar uma comunidade de líderes realizadores. “Não podemos negar que o modelo de desenvolvimento atual está destruindo o nosso planeta e não dá para fingir que isso não está acontecendo e continuar do mesmo jeito. Estamos diante de uma janela de oportunidades. Temos a chance de fazer desse desafio uma alavanca de crescimento econômico e prosperidade. Aliar crescimento econômico e impacto positivo é um caminho sem volta”, afirmou Ricardo Gravina, diretor-executivo da Climate Ventures, na abertura do encontro.

Não perca oportunidades para o seu negócio de impacto. Assine a nossa newsletter mensal e mantenha-se informado sobre tudo o que acontece no setor 2.5. Não se preocupe, também não gostamos de spam. :-)

Continue lendo no Notícias de Impacto


Foto: Ricardo Gravina, diretor-executivo da Climate Ventures (à esquerda), com empreendedores da Boomera e Yvy Brasil, duas entre as 10 startups vencedoras da 1a Chamada de Bons Negócios pelo Clima. Ao centro, André Lara Rezende, da Baanko.

Redação Kaleydos

Faça um comentário